Tour de graça: Como foi nosso passeio com o I’m Free Tour de Sydney

Conhecer uma cidade com um guia local, normalmente um estudante de história ou turismo, de uma forma descontraída, passando por lugares que a maioria dos guias tradicionais não passaria, essa é a proposta dos Free Walking Tours. Gostou da proposta? E se eu te falar que eles são gratuitos?!?!?!
Os Free Walking Tours são uma febre nas maiores cidades do mundo, lembro que quando fui em Berlin em 2009 eles eram a grande sacada turística do ano. Atualmente é bem difícil achar uma cidade que não esteja contemplada com alguma empresa oferecendo o serviço (Oi! Rio de Janeiro! Cadê o seu?!?!?). Na verdade eles não são realmente gratuitos, no início do passeio os guias avisam quanto normalmente custaria um tour como aquele, mas você é que decide no final quanto quer ou pode pagar.
Normalmente essas empresas funcionam de forma bem parecida. Uma agência virtual indica no site onde é o ponto de encontro, um resumo do roteiro que será feito e a história da empresa. Muitas empresas oferecem o tour em dois horários, pela manhã e de tarde. Chegando no ponto de encontro basta procurar o guia (Normalmente alguém bem jovem e com cara de estudante) que em 98% dos casos estará vestido com uma camisa de cor berrante com o logo da empresa. Em alguns lugares há a necessidade de reservar um lugar no grupo devido ao número limitado de participantes, em outros basta chegar no local e horário marcado. Os passeios são longos e normalmente duram de 2h à 5h e são realizados andando mesmo, então se prepare, vista uma roupa confortável, um tênis que não machuque e leve sua garrafa de água e um lanchinho.
Como os guias normalmente são voluntários, eu sugiro dar pelo menos uma gorjeta no final, mesmo que não seja muito.


Na Austrália a empresa mais conhecida é a I’m Free Tour, que oferece passeios guiados em Sydney e em Melbourne. Criação de Justine e Ross há mais de 6 anos, a I’m Free Tour é totalmente independente e não recebe nenhum subsídio do governo e de nenhuma outra empresa privada. Eles se conheceram enquanto cursavam arquitetura na faculdade de Sydney e decidiram mostrar a cidade de uma forma mais descontraída, indo além da história e falando sobre política, vida social e cultural.
A I’m Free Tours oferece dois tour em Sydney, um tradicional mostrando downtown que acontece duas vezes ao dia, uma às 10:30 e outro às 14:30, já o outro tour acontece à noite no bairro The Rocks e foca bastante nos pubs e nas histórias um tanto quando macabras do bairro mais antigo da cidade.
Nós fizemos o tour tradicional pela manhã. Chegando no ponto de encontro no Sydney Town House demos de cara com dois guias e umas 50 pessoas. Esperamos um pouco para ver se chegariam mais pessoas e quando estávamos em uns 70 o grupo foi dividido em 2. Os guias já começam contando sobre a história da cidade na praça que abriga a prefeitura e de lá seguem para o Queen Victoria Building. Para minha surpresa, nós não só passamos pelo prédio, como entramos e a Justine, nossa guia, aproveitou para contar a história desse que é um dos prédios mais bonitos da cidade.
De lá seguimos pelos labirintos subterrâneos de Sydney, passamos pela Tower Eye e chegamos no Hyde Park. Subimos pela Macquarie Street e eu fiquei encantada pelo antigo hospital da cidade. Continuamos andando por Downtown, entramos em um beco para ver uma instalação de arte chamada Forgotten Songs onde várias gaiolas suspensas emitem sons de pássaros. Fizemos só metade do tour porque a Julia começou a ficar chatinha de fome mas eles continuaram.


A única criança do tour era a Julia. Acho que como nós também éramos os únicos brasileiros e nossa guia tinha acabado de voltar de um tour pela América Latina, nós tivemos mais atenção dela. É um tour longo então sugiro roupas bem confortáveis. Sugiro também que vocês levem lanches para não ter que parar o tour no meio do caminho como nós paramos.
Nós demos muita sorte de pegar a própria Justine como guia! Ela é INCRÍVEL!!!! Durante o passeio foi dando várias dicas maravilhosas e completando com informações sobre arquitetura e história.
Queria ter feito o tour noturno mas não conseguimos arrumar tempo. Já em Melbourne vimos o tour começar no dia que fomos na biblioteca da cidade e ele estava super vazio, acho que só tinham umas 5 pessoas. Como estava chovendo nós nem nos animamos.

Anúncios

5 comentários

  1. Adorei conhecer um pouco mais do roteiro da I’m Free Tour em Sydney, ótima dica, já está anotada aqui para nossa próxima trip na Austrália! Adoro este blog!!!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s